New era for humanity, exposição em Lisboa

Lola Keyezua, The Great Mamaaan

Em Lisboa, continua a apresentação do projeto Marvila Art District, com a exposição New Era For Humanity, uma coletiva com 28 artistas contemporâneos oriundos de vários países: África do Sul, Angola, Moçambique, Nigéria, Portugal, São Tomé e Príncipe. De entre os nomes presentes refiram-se alguns valores confirmados como Mário Macilau ou Mónica Miranda, mas também Jordi Burch, Miguel Rodrigues ou Rita GT.

Segundo a curadora Negarra A. Kudumu, em entrevista à Agenda Cultural de Lisboa, foi procurado o ecletismo e a diversidade, reunindo “uma assinalável variedade de expressões plásticas como a pintura, a fotografia, o filme, o têxtil, a escultura e a instalação”, ao mesmo tempo que era dada liberdade temática aos artistas presentes, com temas que percorrem desde as temáticas intemporais na história da arte às inquietações atuais, que vão da liberdade ou da problemática das migrações à pandemia.

O local, um antigo edifício oitocentista, foi em tempos a sede da empresa vinícola José Domingos Barreiros Lda, continuando a manter a sua beleza, quer exterior quer nos seus interiores.

A exposição, que pode ser visitada até 7 de agosto, pretende ser um ponto inicial de reflexão entre o passado e o futuro,estando distribuída por cinco pisos de um dos edifícios mais icónicos do local, a antiga sede da Fábrica Domingos Barreiro. Na Rua Fernando Palha 1 (Marvila), de segunda a sexta-feira entre as 14h e as 18h30; aos fins de semana entre as 10h e as 14h.

Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.