Matéria para escavação futura, em Lisboa

Fotografia Luísa Ferreira, da série Sem Prata

Abre amanhã, no Palácio Sinel de Cordes, sede da Trienal de Arquitetura de Lisboa, ao Campo de Santa Clara, a exposição Matéria para Escavação Futura, com curadoria de Ana Jara e Joana Braga. Participam Carlos Gomes (Cidades subtis), Fernando Ramalho (Fonografia do cuidado, instalação sonora), Luisa Ferreira (Sem prata), Tânia Moreira David (Habitantes, instalação vídeo)e Valter Vinagre (Inscrição).

Segundo a organização “Matéria para Escavação Futura é uma exposição que olha e interroga a cidade, como um gesto de escavação da matéria de que ela é feita, para revelar os diferentes estratos que nela se justapõem, as configurações menos visíveis dos seus traçados e assim desemaranhar as tensões que a atravessam“.

Para ver até 22 de Maio.terça a sexta das 14h às 19h e sábados das 11h às 19h.

Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.