Mitos Adiados, no CPF a partir de dia 11

Captura de tela 2020-07-07 às 13.53.50

Fotografia Carlos Cardoso

Inaugura no próximo dia 11, sábado, no Centro Português de Fotografia, no Porto, Mitos Adiados, uma exposição de Carlos Cardoso. Segundo o autor é um olhar sobre o Douro, visto de forma saudosista e registando permanências nos aspetos físicos e geográficos. É um olhar sobre o Douro, de acordo com o texto de apresentação de Maria do Carmo Serém, inspirado nos fotógrafos pioneiros que registaram aquelas geografias, onde se impõe a magnificência dos socalcos, descendo em ondas suaves até ao rio, com as pontes e os túneis de Emílio Biel, o trabalho da vinha e a vindima de Domingos Alvão, as mimosas ou as amendoeiras em flor do turismo do Estado Novo. É, como também se diz no texto de apresentação, um “Douro construído, marcado e sofrido” que “está condenado a ser um deslumbramento“. A exposição mantém-se patente ao público até 1 de novembro.

Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.