Portugal: poesias sem números, em Cascais

Captura de tela 2019-06-24 às 14.05.23

Em Cascais, no Centro Cultural, vai inaugurar no próximo dia 28 a exposição de pintura Portugal: poesias sem números de Sohei Yamamoto (Tóquio 1980).

Utilizando as palavras do autor “uma das características da minha pintura – que reflete a preferência em expressar-me com subtileza, de forma não impositiva – talvez advenha da influência dessas fotografias que vi em criança. Essa experiência precoce não será alheia ao facto de, quando visitei Portugal pela primeira vez, ter sentido que pintaria este país para o resto da minha vida. Um país impregnado de tanta beleza poética que me pareceu possível pintá-lo tal como é. O aspeto e a expressão das pessoas, o seu modo de vida, tudo se encaixava na profusão silenciosa do que eu imaginara, ao ponto de ter concebido uma exposição individual centrada na riqueza da vida de um único bairro. A minha perseverança como pintor depende dos aspetos de uma cena que escolho incluir ou não numa obra. Enquanto permanecer próximo de Portugal, a minha temática não terá lacunas“.

Captura de tela 2019-06-24 às 14.05.07

A exposição, que reúne 25 obras, na sua maioria focadas em Portugal, estará patente até 1 de setembro. Permite, ainda segundo o autor, que as pessoas construam o mundo em seu redor “através da escolha do que deve ser substituído ou mantido, aplicando a sabedoria e engenho de que dispõem“.

 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.