Fotografia portuguesa em Budapeste

Captura de tela 2019-03-28 às 16.59.37

Fotografia de Paulo Catrica, Lfc264, da série Estádio

O Budapest Photo Festival e o Instituto Camões em Budapeste promovem naquela cidade uma exposição de fotografia portuguesa contemporânea sob o título Changing Landscape – Modern Portuguese Photography. A exposição, que abre hoje, tem curadoria de Szilvia Mucsy, directora do Budapest Photo Festival e manter-se-à aberta ao público até 20 de abril.

A exposição mostra-nos o moderno conceito de paisagem, longe dos antigos conceitos oriundos da pintura e ainda hoje temos interiorizados. Sendo um tema que atravessa a história da arte ao longo dos séculos, não deixa de ser atual e atualizado com olhares fotográficos cuja interpretação privilegia o conceito e a reflexão, em olhares modernos e envolventes. Estão presentes trabalhos de Tiago Casanova, Paulo Catrica, João Grama e Tito Mouraz, alguns deles já apresentados em exposições realizadas em Portugal. Destaque-se o aspeto positivo desta iniciativa não só ao mostrar a moderna fotografia portuguesa além fronteiras, como também por ser mais um contributo para a internacionalização dos fotógrafos portugueses. Pode ler mais sobre o Festival aqui.

 

Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.