Maputo, mon amour – em Évora

captura-de-tela-2017-02-14-as-18-28-05

O Facebook do Alexandre Pomar chama à atenção para um texto de António Cabrita sobre a exposição de José Pinto de Sá (Beira, Moçambique, 1948). São imagens notáveis, plenas de uma estética moderna, envolventes, reais! A exposição, patente em Évora no Palácio D. Manuel, dá pelo nome de Maputo, mon amour. Os protagonistas, segundo o autor, não são as pessoas mas antes as cores e a luz. Refugiado político antes do 25 de Abril, viajou pela Europa antes de regressar a Moçambique e se dedicar ao jornalismo, tendo começado na revista Tempo.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.