Depois, de André Cepeda no MNAC

Captura de tela 2016-05-05 às 15.26.47

Inaugura dia 7, sábado, no Museu Nacional de Arte Contemporânea – Museu do Chiado, em Lisboa, a exposição Depois de André Cepeda. Em simultâneo é lançado o livro com o mesmo nome, numa co-edição Pierre von Kleist e do Museu Nacional de Arte Contemporânea. A exposição é comissariada por Sérgio Mah, que a propóstito das imagens apresentadas nos diz que “nada parece acontecer nestes lugares. Não se vislumbra nenhum movimento, nenhum gesto. Mundo petrificado, silêncio de morte, tudo o que sobra são espaços, construções e objetos que indiciam uma história anterior. Depois é um trabalho sobre o que resta, mas também sobre o que queremos e estamos disponíveis para ver e fazer com as imagens, de resgatar a exigência de uma ética da observação e do pensamento sobre os lugares de todos os abandonos e esquecimentos.” A exposiçãoo estará patente ao público até 25 de setembro.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.