Angola 1938 – Fantasia Africana, a partir de amanhã n’A Pequena Galeria

Inaugura amanhã e prolonga-se até dia 12 de abril, n’A Pequena Galeria, em Lisboa, Angola 1938 – Fantasia Africana, com fotografias de Firmino Marques da Costa. Verdadeiramente trata-se de um photobook ignorado: o Álbum comemorativo da Exposição-Feira Angola 1938, editado pelo Governo Geral de Angola, provavelmente apenas destinado a oferta. Foi impresso em offset na Litografia Nacional, Porto, tal como o fora o Álbum Fotográfico da 1ª Exposição Colonial Portuguesa, de 1934, com “clichés” de Alvão.

 No Álbum de 1938 os “clichés” são atribuídos a C. Duarte, que é seguramente Firmino Marques da Costa (1911-1992), fotojornalista e membro da Missão Cinegráfica que acompanhou a visita do presidente Óscar Carmona às colónias, em 1938, a quem se atribuiu a autoria principal das imagens dos 5 álbuns fotográficos que a Agência Geral das Colónias então publicou e que foram objecto de uma exposição em 1987 na galeria Ether.

Há também a destacar a conceção deste photobook pela sua qualidade gráfica e inteligente sequenciação das imagens. Outro motivo de interesse é a identificação do Chefe da Secção Técnica da Exposição-Feira, Vasco Vieira da Costa (1911-1982), então desenhador e que estudou arquitetura no Porto, em 1940, e estagiou no atelier de Corbusier em Paris, tendo sido autor, a partir de 1950, de edifícios emblemáticos da arquitetura moderna em Luanda sendo provável que Vasco Vieira da Costa seja também o responsável pela edição.

Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.