Graça Morais

Na comemoração dos seus cinco anos de existência, o Centro de Arte Contemporânea Graça Morais, em Bragança, apresenta uma mostra antológica da artista, demarcada entre os trabalhos realizados em 1970, enquanto finalista da Escola Superior de Belas Artes do Porto, e uma intervenção efémera nas paredes de uma das salas, criada especificamente para esta ocasião. A par de um conjunto significativo de obras que nunca tinham sido expostas até ao momento, integram esta antologia obras emblemáticas de séries como “O Rosto e os Frutos”, “Os Cães”, “Cabo Verde”, “As Escolhidas”, “Geografias do Sagrado”, “Deusas da Montanha”, “Olhos Azuis do Mar” ou “Sombras do Medo”. A exposição, designada Uma Antologia – Da Terra ao Mar – Pintura e Desenho, 1970/2013, comissariada por Jorge da Costa, inaugura no próximo dia 30 de junho.

Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.